Aumento IOF: Agora, Qual é a melhor Forma de Pagar as Compras no Exterior?

Publicado em: Câmbio


  • Participante
    Simone em #2889

    Olá! Fiquei sabendo do aumento de IOF para cartões de débito e cartões pré pagos imposto pelo Governo este ano e agora estou na dúvida se ainda vale a pena usar o Visa Travel Money e saques no meu cartão de débito, pois em todas as minhas viagens sempre utilizei essas formas como pagamento. O que vocês recomendam após o aumento do IOF? Ainda vale a pena usar cartões pré pago e débito?


    Mestre
    Laura em #2890

    Olá Simone!

    Então com o aumento do IOF para Compras no Exterior a partir de 2014, agora o IOF para o Cartão de Débito passou a ser de 6,38%, igual ao que já era anteriormente cobrado para cartões de crédito. O aumento também é válido para cartões pré pagos e travellers cheques (cheques viagem).

    Com isso, agora as opções de utilizar o cartão pré pago (Visa Travel Money, American Express Global, MasterCard Cash Passport) se tornaram menos competitivas do que antigamente, antes do aumento. Anteriormente essas opções eram de longe a melhor opção, já que o IOF era de apenas 0,38% comparado com os 6,38% do cartão de crédito, além de serem mais seguras e oferecerem maior comodidade do que a opção de levar o dinheiro em espécie (papel moeda).


     

    • IOF dinheiro em espécie: Devo levar mais papel moeda?

    Agora, se você deseja diminuir os gastos e pagar menos IOF, a recomendação é aumentar a quantidade de dinheiro em espécie que você leva na viagem. Consultores recomendam levar cerca de 20% a 30% do valor que você pretende usar durante a viagem em papel moeda, já que essa é a única opção que continua com o IOF de 0,38%.


    • Aumento IOF no Cartão Pré Pago: Ainda vale a pena usar?

    - Vantagens em usar o cartão pré pago: Em relação aos Cartões Pré Pagos, apesar da taxa de 6,38% ser equivalente ao do cartão de crédito, a principal vantagem da utilização destes é de você utilizando essa opção você não está sujeito a variações na cotação do dólar, pois ele não sofre variação cambial depois de carregado. Ou seja, ele permite o planejamento financeiro, já que não há riscos de você extrapolar o orçamento devido a um aumento grande na cotação da moeda estrangeira.

    Além disso, o cartão pré pago ainda oferece a segurança contra extravios e roubos, um das principais desvantagens de levar o dinheiro em espécie ou contar somente com o cartão de crédito.

    - Desvantagem no uso do Cartão Pré Pago: A principal desvantagem do cartão pré pago é que ele utiliza a cotação do Turismo (que é sempre mais cara que a cotação usada pelos cartões de crédito ou débito). Além disso, comparando com o cartão de crédito, ele não permite acumular milhas / pontos no cartão.


    • Aumento IOF no Cartão de Débito: Ainda vale a pena usar?

    - Desvantagens de usar o cartão de débito: Já os cartão de débito também passaram a ser uma opção bem menos vantajosa para os viajantes. Antes, estes tinham taxa de apenas 0,38% para saques e compras e utilizarem a cotação do dia e melhor do que a do Turismo (utilizado pelos cartões pré pagos). Agora, a alíquota do cartão de débito também passou para 6,38%, tornando-os uma opção pouco competitiva quando se considera que é equivalente ao cartão de crédito, que proporciona maior acumulo de milhas.

    - Vantagem em usar o cartão de débito: Porém, a vantagem é que o cartão de débito utiliza a cotação do dia e não sofre variações após a compra / saque se feito, ao contrário do cartão de crédito que sofre variações entre o dia da compra e do pagamento.


    • Aumento do IOF tornou o Cartão de Crédito mais competitivo

    - Vantagem em usar o cartão de crédito: Com o aumento do IOF no restante das formas de pagamento (com exceção do dinheiro em espécie), agora o cartão de crédito voltou a ser uma opção a ser considerada para gastos no exterior. Como vantagem, podemos citar que o cartão de crédito utiliza cotação abaixo do Turismo (usada pelos cartões pré pagos) e permite postegar a data do pagamento e o do IOF para a próxima fatura.

    Além disso, os cartões de crédito permitem o acumulo de milhas / pontos nos programas de benefícios do cartão, que permitem a troca por passagens áreas, hospedagens, aluguel de carros e outros produtos. Alguns cartões oferecem inclusive um benefício de acumulo extra de pontos em compras em moedas estrangeiras.

    Desvantagem no uso do cartão de crédito: A principal desvantagem em usar o cartão de crédito continua sendo o risco da variação cambial, já que essa opção sofre variação entre o dia da compra e o dia do pagamento. Com isso, ele não permite o planejamento financeiro das despesas como acontece com os cartões pré pagos.


    Resumo – Vantagens e Desvantagens das Opções após o aumento do IOF:

    Cartão Pré Pago – IOF 6,38%
    Vantagens:
    – Permite o planejamento financeiro da quantia a ser levada na viagem;
    – Não sofre variação cambial após carregado (valor do câmbio da data da compra);
    – Maior segurança contra perdas e roubos;
    – Pode ser carregado sempre que preciso;

    Desvantagens:
    – Usa a cotação Turismo da moeda (mais cara que cotação do cartão de crédito/débito);
    – Taxas de 2,50 a 3,50 da moeda estrangeira para saques no exterior;

    Cartão de Débito – IOF 6,38%
    Vantagens:
    – Usa a cotação do dia da compra ou saque;
    – Usa a cotação abaixo do Turismo;
    – Não sofre variação cambial após a data da compra / saque;
    – Permite sacar moedas que não são vendida no Brasil;

    Desvantagens:
    – Não são todos os estabelecimentos que aceitam esse tipo de operação;
    – Tem limite diário / semanal para ser utilizado;
    – Não permite o planejamento financeiro (sujeito a variação cambial durante a viagem);
    – Banco pode cobrar taxa para saque (depende do seu tipo de conta);

    Cartão de Crédito – IOF 6,38%
    Vantagens:
    – Permite postegar o pagamento da fatura e do IOF;
    – Usa cotação abaixo do Turismo (mais em conta que cartões pré pagos);
    – Permite o acumulo de pontos / milhas nos programas de benefícios do cartão;
    – Segurança conta perdas e roubos;

    Desvantagens:
    – Sofre variação cambial entre o dia da compra e o dia do pagamento da fatura do cartão;
    – Pode comprometer o orçamento pois não permitem um planejamento financeiro (sujeito a variação cambial);

    Dinheiro em Espécie (Papel Moeda) – IOF 0,38%
    Vantagens:
    – Única opção que mantém o IOF de 0,38% na operação cambial;
    – Não sofre variação cambial após comprado;

    Desvantagens:
    – Usa cotação do Turismo (mais cara);
    – Levar muita quantidade aumenta os riscos de perda e roubo;

    Espero que tenha esclarecido a sua dúvida e de outros viajantes! Fiquem a vontade para postar novas perguntas sobre o assunto!

Visualizando 2 posts - 1 até 2 (de 2 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.